cafe-mesa-organizar-as-financas

5 Dicas para Organizar as Finanças durante a quarentena

Saiba como organizar as finanças em pequenas atitudes e equilibrar as contas durante o período de quarentena #ficaemcasa

Com tantas notícias emitidas em relação ao novo coronavírus (COVID-19) não é mais novidade para ninguém que estamos em uma situação bem delicada. As filas enormes nos supermercados e a caçada ao álcool gel 70% que sumiu do mapa virou rotina nessas últimas semanas.

Você já parou para pensar em como essa fase pode afetar a sua organização financeira?

Uma das ações indicadas pela OMS (Organização Mundial da Saúde) para conter a doença, foi a Quarentena. Sendo um período de isolamento para que o índice de contágio seja freado, alguns negócios e profissionais sofrerão impactos no seu faturamento e renda.

Pensando em cuidados neste período, separamos 5 dicas para organizar as finanças durante a Quarentena

1. Escreva seus gastos

É uma dica básica de organização financeira, mas vale lembrar. Nós seres humanos somos muito visuais, ou seja, precisamos ver as coisas na nossa frente para podermos entender melhor. 

Escrever cada gasto fará você visualizar o que é supérfluo para esse momento e desapegar. 

2. Negocie contas

Essa dica é para todos, mas principalmente se você é autônomo(a) ou se seu pagamento é baseado em comissão, já que o fluxo de pessoas diminuirá devido ao tempo de isolamento.

Se você vive de aluguel, negociar o valor pode ser uma forma de equilibrar as contas. Para o dono do imóvel, pode ser mais vantajoso reduzir do que ficar sem inquilino, afinal é uma situação de crise para todos. 

Isso vale também para caso tenha uma dívida de empréstimo ou no cartão de crédito. Não custa tentar, o não você já tem. Afinal não queremos mexer em nossa preciosa reserva.

3. Aproveite dos preços por atacado

Procure supermercados que vendem por atacado e faça suas compras para as semanas que ficará em casa. Além de garantir melhores preços você estará se expondo menos.

A quarentena, ou melhor, o período de isolamento social é realmente para evitar frequentar qualquer local. Então, mesmo que você não esteja trabalhando, respeite a medida, saia apenas se for extremamente necessário. 

família-descansando-na-cama

4. Ficar em casa – um ato de autocuidado e solidariedade 

Manter-se em casa nesse período traz maior segurança para você, mas acima de tudo para aqueles que são grupo de risco em relação ao COVID-19. Ficar em casa te ajudará a olhar também para sua organização financeira, ou seja, enxergar gastos do seu cotidiano que podem ser cortados. 

Por último e não menos importante

5. Mantenha-se saudável

Tanto fisicamente, quanto mentalmente. Fique calmo e seja paciente! Não se sobrecarregue antecipando os fatos em sua mente, pois sua saúde mental é importante para atravessar o momento. Além disso ela pode impactar também na saúde física, que requer estar bem para quando esse período passar. 

Lembre-se que você não estará se movimentando como era no seu cotidiano, portanto faça exercícios mesmo que seja caminhando da sala para o quarto umas 500x. Mexa-se! Só que em casa, ta bom?! 

Fique atento às notícias da OMS e suas informações sobre a doença e orientações de cuidados, clicando aqui.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *